UOL

Scorsese tem razão: cinema não é, e nunca foi, conteúdo

Em um artigo sobre o gênio Federico Fellini para a Harper´s Magazine, o cineasta Martin Scorsese refletiu sobre o estado atual do cinema e da arte. Ele faz um alerta: quando tudo que produzimos como audiovisual, de grandes filmes a vídeos em canais do youtube, são reduzidos a “conteúdo”, parte da essência da arte se perde.

É uma visão que fazemos bem em prestar atenção. Conteúdo implica em produção de produtos, e quando tudo é nivelado nos mesmos parâmetros, quando tudo é igual, o valor se perde. Passamos de humanos apreciando arte a consumidores regidos por algoritmos que decidem, com base em nosso histórico, o que é melhor para cada um de nós, analisa o colunista de Splash, Roberto Sadovski.
————————-
Bem-vindo ao canal do UOL no YouTube. Aqui você encontra notícias direto da redação, tudo sobre política, matérias especiais e o melhor do mundo do entretenimento.

** INSCREVA-SE NO CANAL: http://bit.ly/2xolCQ2

#MartinScorsese #Cinema

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!