O tema da campanha da fraternidade deste ano é “fraternidade e diálogo: compromisso de amor”

O documento gerou polêmica ao criticar a negação da ciência e abordar temas como o feminicídio e a violência contra pessoas LGBTQI+
“Cristo é a nossa paz: do que era dividido fez uma unidade”. O lema da campanha da fraternidade ecumênica de 2021 é um apelo a um brasil polarizado. A ação é promovida pela conferência nacional dos bispos do brasil e pelo conselho nacional de igrejas cristãs e já está na quinta edição.

#JornaldaCultura

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!