Marco Aurélio Mello: ‘O Supremo precisa de autocontenção’ I A MALU TÁ ON

De tanto votar contra a maioria no plenário do Supremo Tribunal Federal, o ministro Marco Aurélio Mello ganhou no meio jurídico o apelido de “senhor voto vencido”. Às vésperas de se aposentar – ele deixa o cargo no próximo dia 5 de julho – o decano da suprema corte deu entrevista para o A Malu Tá ON. Como de hábito, foi contra a maré. Enquanto os colegas se ressentem dos ataques ao Supremo, ele diz que o tribunal precisa de um pouco de “autocontenção” para não invadir outras esferas de poder. E embora critique a ida de Eduardo Pazuello a um ato a favor de Bolsonaro – “não se coaduna com a de um militar” -, diz que é possível chegar a um entendimento com o presidente da República. Na conversa com a colunista do Globo Malu Gaspar, Marco Aurélio fala ainda sobre as polêmicas do Supremo, a decisão que vai tomar sobre a suspeição de Sérgio Moro e as mensagens da Vaza Jato – que, para ele, não podem ser usadas como provas em processos.

Para ouvir outros podcasts do GLOBO, é só clicar aqui: https://oglobo.globo.com/podcast/
E aqui é possível se inscrever no nosso canal do YouTube: http://bit.ly/2BQvqB4

Você também pode seguir o podcast aqui:
Spotify (https://spoti.fi/2roSwhh​)

A coluna de Malu Gaspar no GLOBO: glo.bo/3b6Dzo3

ASSINE O GLOBO: http://assineoglobo.globo.com/
INSCREVA-SE NO CANAL: http://bit.ly/2BQvqB4

O SITE: https://www.oglobo.globo.com
O FACEBOOK: https://www.facebook.com/jornaloglobo
O TWITTER: https://twitter.com/jornaloglobo

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!