Auxílio emergencial e Renda Brasil: Bolsonaro deve murchar sem programas sociais | Leonardo Sakamoto

http://youtu.be/77PIgfwFCCE

“Ao afirmar, nesta terça (15), que seus subordinados estão proibidos de falar sobre “Renda Brasil”, Jair Bolsonaro deu início a uma contagem regressiva contra si mesmo. A partir de 1º de janeiro, não haverá mais pagamento do auxílio emergencial, nem programa similar para ficar no lugar. Com isso, a tendência é que o aumento de popularidade que experimentou na pandemia comece a derreter e a aprovação volte à época em que ‘impeachment’ era palavra corriqueira”, analisa Leonardo Sakamoto em sua coluna em vídeo de hoje.
————————-
Bem-vindo ao canal do UOL no YouTube. Aqui você encontra notícias direto da redação, tudo sobre política, matérias especiais e o melhor do mundo do entretenimento.

** INSCREVA-SE NO CANAL: http://bit.ly/2xolCQ2

Luccas Luccas

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: