6 deputados e 1 senador recorreram ao STF contra aumento bilionário nas verbas do fundo eleitoral

O presidente Jair Bolsonaro tem 15 dias úteis para vetar ou não essa elevação dos gastos que está na lei de diretrizes orçamentárias, a LDO.
Os sete parlamentares querem que o supremo tribunal federal anule o trecho da votação da lei de diretrizes orçamentárias que autorizou o aumento no valor do fundão.

#JornaldaCultura

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!